domingo, setembro 23, 2012

CLAUDIO HUMBERTO

“Russomanno vai colocar Tufão para cuidar do esporte em SP”
Gabriel Chalita (PMDB) ironizando o rival do PRB por atuar na política como na TV


PSB vira alvo de Lula no interior de Pernambuco

O ex-presidente Lula decidiu participar, por meio de gravações de rádio e TV, da campanha eleitoral em alguns municípios do interior de Pernambuco. Lula mirou cidades onde o PSB do governador Eduardo Campos abandonou o PT e se aliou ao PSDB. Em Santa Cruz do Capibaribe, o petista gravou ao candidato do PTB, adoçando a boca do senador Armando Monteiro e mandando um duro recado para Campos.

Jogo de xadrez

O ex-presidente Lula tenta diminuir a força de Eduardo Campos, possível adversário de Dilma Rousseff nas eleições de 2014.

Comprou briga

Eduardo Campos ficou em maus lençóis com Lula após o PSB romper com o PT nas eleições em Recife, Belo Horizonte e Fortaleza.

Na mesma

Para o deputado Esperidião Amin, o PP, hoje com 62 prefeituras em Santa Catarina, não deverá aumentar, nem diminuir após as eleições. 

Nos braços do mundo

A Presidência da República arruma as malas para voar, mas antes reservou R$ 18,9 mil para confecção de dez mil etiquetas de bagagem.

Polícia de olho em candidatos ligados ao crime

Setores de Inteligência das polícias identificam no Nordeste vários candidatos com fortes vinculações ao tráfico de drogas, ao roubo de cargas de caminhões e a até a um crime comum na região, o furto de senha de cartões de créditos, os “cartõeseiros”. Bem sucedidos em suas atividades criminosas, esses bandidos acumularam fortunas e entenderam que agora precisam buscar poder político, nas eleições.

Formação de quadrilha

Antes de “conquistar” espaço no poder político, os bandidos também se organizam para se infiltrar em órgãos públicos que os combatem.

Crime organizado

Descoberta da PF indica que a gangue que controla presídios paulistas financia os estudos de jovens para servir ao crime, no futuro.

Pelas regras do jogo

Jovens com estudos pagos pela organização “PCC” teriam a tarefa de ingressar por concurso em polícias, ministério público e na Justiça. 

Classudo

O Brasil tem novo mantra: a “nova classe média”, ganhando entre R$ 291 e R$ 1 mil. Lembra o mendigo elegante de Jorge Loredo, o “Zé Bonitinho”, desta vez dizendo “agora vou me encontrar com aquele menino, o Lula”.

Suprema eternidade

O ministro aposentado José Carlos Moreira Alves, nomeado em 1975, é o campeão de permanência no Supremo Tribunal Federal: 28 anos. O decano Celso de Mello e Marco Aurélio podem ficar 26, se quiserem.

Só na política

Enquanto PT e PSB travam luta sangrenta pela prefeitura de Fortaleza, os dois partidos estão unidos em Sobral, terra do governador do Ceará, o socialista Cid Gomes, em torno do candidato petista Veveu Arruda.

Cofre forte

Pagador oficial de Lula, o ex-presidente do Sebrae, Paulo Okamoto, eleva as mãos aos céus pelo esquecimento das supostas contas denunciadas em 2006 pelo então prefeito do Rio Cesar Maia (DEM), uma de Lula, por orientação do Delúbio Soares.

Melhor que nada

Apesar das expectativas reduzidas em vários municípios, o DEM tem se saído “muito melhor” do que esperava. A sigla, que hoje não tem uma prefeitura, está bem colocada em Sergipe, Salvador e Fortaleza.

Essa TIM...

Clientes do plano Infinity, da TIM, que pagam pelo número de ligações e não pela duração, dizem que não conseguem refazer os telefonemas, no prazo de 120 segundos fixado pela Anatel, para gratuidade. A TIM nega “veementemente” que derrube as ligações de propósito. Anrã...

Périplo

Cotado para disputar a Presidência em 2014, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) participa esta semana de campanhas municipais no Norte e Nordeste. Em Salvador, a visita está marcada para a próxima sexta-feira.

Temporário

O suplente Sérgio Carneiro (BA) acertou com o PT de assumir cadeira na Câmara apenas para finalizar os acertos e a votação do Código de Processo Civil, do qual é relator. Ele ficará no cargo até 9 de novembro.

O abestado vem aí

Primeiro foi o pai de Preta Gil, depois a irmã de Chico Buarque e agora a mãe de Supla. Ainda teremos Tiririca como ministro da Cultura. 


PODER SEM PUDOR

Mão no desperdício


Espremidos no banco de trás do carro oficial, Tancredo Neves e mais três parlamentares jogavam conversa fora. Falavam sobre a importância do sexo na vida do homem. Um deles não se sentia à vontade com o assunto - uma deputada correligionária do então governador de Minas, conhecida pelo tamanho do sapato que usava. O papo prosseguiu e a moça só ouvia os comentários libidinosos dos políticos. Percebendo que ela não estava mesmo à vontade, Tancredo colocou a mão delicadamente sobre suas pernas e disse, como um lamento:

- Ah, menina... já pensou se eu pudesse e você gostasse?

Arquivo do blog